2nd South
Este fórum contém material para adultos,
destinado a indivíduos maiores de 18 anos.

Se você não atingiu ainda 18 anos,
se este tipo de material ofende você,
ou se você está acessando a internet de algum país
ou local onde este tipo de material é proibido por
lei, NÃO PROSSIGA!!!

Os autores e patrocinadores deste fórum não se
responsabilizam pelas conseqüências da decisão do
visitante de ultrapassar este ponto.

*Memory Circus Tournament* Mid-Boss Battle : Painwhell vs Luna

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: *Memory Circus Tournament* Mid-Boss Battle : Painwhell vs Luna

Mensagem  ᘛℭаяoℓ, ᵗʰᵉ ƤƛƖƝƜӇЄЄԼ 【✤】 em Sex Ago 31, 2018 1:52 pm



ROUND 5 - MOVE 1: FULL PISTOLA! O KAIOKEN DE PAINWHEEL!

ㅤㅤㅤAquelas mãos fantasmagóricas estavam me dando dores de cabeça. Quando eu me livro de um par, outras aparecem me agarrando e impedindo-me de alçar voo. No instante que olhei por cima dos ombros para pedir o suporte de Robô-Fortune, me espantei com o que ela havia se tornado: Um Mega-Canhão Laser! Eu sei, você pode não acreditar nessas coisas que estou falando, pode estar pensando que estou usando muita licença poética e dramatização... mas acontece que tudo o que estou lhes contando é verdade! Aquela coisa chata e barulhenta disparou raios para todos os lados, desintegrou todas as bonecas, todas as Iron Maidens, com exceção de uma, qual mandei Luna voando em um soco.

ㅤㅤㅤPreferi não ficar olhando para o que estava acontecendo. A gata mirou o canhão para cima, começando a destruir aquele negócio que havia no teto, danificando toda a estrutura do quarto de bonecas. Ou seja, estávamos tendo sucesso em nossa missão e isso indica que só faltava uma coisa a se fazer: Derrotar a Skullgirl na minha frente! Sendo assim, só havia uma única maneira de me soltar dessas mãos fantasmagóricas! Uma cartada que eu estava segurando esse tempo todo, por acreditar ser um recurso ideal para me tirar de situações desvantajosas como essa.

ㅤㅤㅤO Hatred Install!

ㅤㅤㅤ── Beep! ZUMBI. COXUDA. AJUDAR. DESTRUIR. OBJETO. MÁGICO! Boop! ── Robô-Fortune voltou para sua forma normal após cessar os disparos. Ela girou sua cabeça para trás, igual a menina do exorcista, para olhar e sorrir para a Zhuan, como uma forma de agradecimento. No entanto, uma coisa aconteceu. A mini antena da robô apitou descontroladamente, anunciando que o inimigo estava atacando. O máximo que ela pode fazer foi emitir uma onda de choque que arremessou a zumbi para longe dela, no instante que o corpo da robô foi empalado por uma lança de ossos e com isso, arremessada contra a parede. Ali, a gata ficou em modo de standbye.

ㅤㅤㅤ── MeeeeOOOOOHWWaaarrrarghg... ── Ela desligou.

ㅤㅤㅤ── NÃO! ── Zhuan gritava, aflita. Ela tentou se levantar para tirar a gata de metal dali, mas faltou-lhe forças. A ferida era grave e ela já havia perdido muito do seu sangue esverdeado. Embora estivesse morta, aquele ferimento impedia de que a morta-viva fosse de grande serventia. Desabando no chão mais uma vez, o olhar de Jiang demonstrava o quanto ela estava decepcionada consigo mesma, tendo quase nenhuma serventia.

ㅤㅤㅤ── Painwheel... Só... depende... de você.... ── Ela também desmaiou.

ㅤㅤㅤVendo aquilo, eu senti algo tomando conta de mim. Era a minha raiva. A raiva que despertava o monstro que eu havia me tornado antes. O verdadeiro catalisador dos meus poderes finalmente atingindo o seu ápice. E foi só ver a Robô empalada e Zhuan caindo que eu me estressei de verdade com aquela maldita Luna. Foi tudo muito rápido. Eu soltei as mãos fantasmagóricas e deixei que elas continuassem me agarrando. Buer parou de girar e tentar me tirar o chão com um voo planejado. O cabo de ossos dele regrediu para o seu tamanho original, mas as lâminas continuavam girando como uma hélice de helicóptero. Foquei meu olhar para Luna que corria, tomava impulso numa mesa e lançava em um salto para cima de mim ao mesmo tempo que conjurou duas almas, uma de fogo e outra de gelo. Foi naquele momento que eu vi a oportunidade perfeita para acabar com essa brincadeira de uma vez por todas!

ㅤㅤㅤO papai me disse que nós sempre devemos esperar uma brecha do inimigo para dar um ataque mortal! Mas que só era preciso matar quando não existisse uma solução melhor para a situação. E naquele caso, Luna já estava condenada! A única forma dela garantir um descanso merecido é sua destruição! De uma vez por todas, o Skullheart é uma força de destruição! Não existe UMA pessoa que tenha conseguido em vida realizar o desejo de coração puro sem ter se tornado um monstro a favor da trindade! A Mãe de Annie das Estrelas foi a primeira a sucumbir... A mãe de Sienna “Squigly” Contiello também! A Rainha Nancy, mãe das Princesas Parasoul e Umbrella também sucumbiu e todas elas pelas melhores das intenções! Era uma farsa essa história de que precisava ter um coração puro! No fim, todas viram Skullgirls! Ninguém se safa dessa desgraça, dessa maldição que é realizar um desejo com aquele crânio em forma de coração! E isso termina AGORA!


ㅤㅤㅤ── HOOOOOOOOOOOOOOAAAAAAAAAAAAARRRRRRRRRRRRRR!!!! ── Minha raiva atingiu um limite tão grandioso que emanou eletricidade por todo o eu corpo. Meu sangue de Skullgirl, o sangue da Rainha Nancy Skullgirl corria nas minhas veias e não só potencializava os meus poderes como também mantinha minha regeneração bem apurada, para que eu pudesse sobreviver com a parasita Gae Bolga correndo dentro de minhas correntes sanguíneas. Isso era o que me impedia de me tornar uma Skullgirl também, mas o real motivo disso tudo estava na minha raiva e o quanto essas coisas, o sangue maldito, o Gae Bolga, o Buer Driver e meu ódio por Brain Drain, Valentine, a Skullgirl, o Skull Heart e o LabZero... tudo isso combinado me ajudou a despertar um poder avassalador.

ㅤㅤㅤTudo à minha volta sucumbiu a destruição da aura roxa que me envolvia. Aqueles quem observassem direito perceberiam brevemente o relance de um crânio rindo formando-se no chi maldito que emana sobre mim. Mas ao mesmo tempo que liberei essa onda grandiosa de poder, eu fiz com que pedaços do piso se destroçassem e elevassem aos céus, como se eu tivesse feito eles quebrarem as leis da gravidade com a intensidade do meu poder. O clarão branco que tomou conta de toda a sala foi o momento que minha transformação atingiu o seu ápice. O momento que minha Hatred Install elevou meus poderes a um nível surpreendente. Pense nisso como um Kaioken aumentado vinte vezes! Estou mais rápida, mais forte, mais resistente, mais letal do que costumo ser e meu corpo ficava piscando em branco e púrpuro. Ela também permitia que eu suportasse golpes ainda mais fortes e acumulasse o danos deles, potencializando ainda mais os meus ataques.

ㅤㅤㅤMomentos antes dessa explosão de poder acontecer, as almas de gelo e fogo de Luna foram dizimadas com a energia grandiosa que expandiu-se por todo o salão e durante essa onda furiosa, fiquei livre para agarrar a oponente pelo pescoço. Se eu conseguisse, não medirei esforços. Eu apertarei o pescoço de Luna com tanta força, mas tanta que não só irá estrangulá-la com também, poderei fazer os olhos dela saltarem para fora! E enquanto a mantenho suspensa no ar, usarei minha outra mão para atravessar o peito dela e agarrar o coração. SIM! EU VOU ARRANCAR AQUELE SKULLHEART DO PEITO DELA COM MINHAS PRÓPRIAS MÃOS!

ㅤㅤㅤ── FOI POR CAUSA DISSO! DISSO AQUI QUE MINHA VIDA FOI DESTRUÍDA! ── Não tenho como controlar minhas emoções dentro do Hatred Install.

ㅤㅤㅤO que viria a acontecer depois? Se Luna caísse na minha armadilha, tivesse o pescoço apertado até ser esmigalhado pela minha mão musculosa e ter o peito atravessado pela mão livre, eu vou arrancar o coração contaminado dela. Ele terá a forma de um crânio flamejante. E nem darei tempo daquilo recuperar a consciência e pensar em falar comigo. Na hora, eu esmagarei o coração em minhas mãos e destruirei cada vestígio do mesmo para que não sobrasse mais NADA! Com isto, o único destino para Luna será a morte. Ela pode até resistir alguns minutos sem o coração, mas após isso... ela e tudo o que pertence a ela estará fadado ao mais triste e miserável fim.

avatar
ᘛℭаяoℓ, ᵗʰᵉ ƤƛƖƝƜӇЄЄԼ 【✤】
Visitante
Visitante

Aniversário : 23/10/2002
Lugar de Origem : Maplecrest - Nova Meridian
Mensagens : 36
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: *Memory Circus Tournament* Mid-Boss Battle : Painwhell vs Luna

Mensagem  General 3YE W.D. Gaster em Seg Set 10, 2018 9:32 am

Round 5 Move 2

 Luna via a gata-robô ficar presa na parede e desligar. Foi naquele momento que ela avançou junto das almas. Ela queria acabar com aquilo rápido. Era isso ou voltar para o livro. Era o que a titereia pensava a todo o momento. Dentro do livro era um mundo escuro, cheio do que ela mais detestava: livros. Livros por toda a parte e quem andava por aquele lugar não era divertido, talvez seus únicos amigos fossem Valeth e uma mulher que quando andava criava gelo ao redor de seus pés. Luna corria e saltava usando a mesa quebrada como apoio aí foi quando ela foi atingida pela onda de energia roxa que Painwheel emanou. Ela viu as almas gélida e flamejante sumirem, se dissipando quando a aura as acertou a caminho de Painwheel.

 Luna caiu no chão e rolou um pouco. Quando se levantou, teve o pescoço agarrado pela garota de máscara a sua frente. Ela sentiu a traqueia quase ser esmagada pela mão forte e os pés dela nem tocavam o chão. Ela sentiu os olhos se encherem de lágrimas por causa da dor em seu pescoço. Ela tentava falar, mas a mão de Painwheel não permitia. O olhar de desespero cruzou o seu rosto quando viu a outra mão da garota recuar e for com tudo em direção ao seu peito. O barulho da dilaceração de seu esterno e de sua carne sendo aberta foi alto e acompanhado por uma dor fulminante. Luna sentiu quando Painwheel tocou seu coração e o puxou para fora. Era uma joia de tom arroxeado, não um Skullheart. Luna ainda levantou uma mão quase sem forças e trêmula na tentativa de reaver aquela joia, mas quando ela fora despedaçada, Luna pararia de súbito de se mover. Os pedaços da joia que iam caindo em direção ao solo não chegavam a tocá-lo, pois se transformavam em uma poeira que desaparecia em pleno ar. Seu cadáver escorregaria da mão de Painwheel e cairia no solo como uma boneca de pano. O corpo dela logo ia ficando transparente aos poucos, como se fosse feito do mais límpido cristal e se desmanchava em pequenos flocos de luz, sumindo como se nunca houvesse existido. O bloqueio na porta se erguia ao mesmo tempo em que fragmentos de luz alaranjada surgiam das paredes, se concentrando em uma pequena esfera laranja brilhante no centro da sala.

 Quando tal esfera aparecia, um contorno hominídeo e translúcido que estava oculto na parede até então, se movia e pegava a esfera, correndo rapidamente para dentro do duto de ventilação como se fosse um lagarto muito veloz, deixando Painwheel sozinha ali com Robô-Fortune empalada na parede e Zhuan caída no chão, que de alguma forma ainda resistia ao seu ferimento. A Jiang-shi parecia respirar pesadamente apesar de ser morta-viva. Um Floco de luz adentrou a sala em uma pressa e explodiu perto de Painwheel em um pequeno “pop”, como se fosse uma bolha estourando. Uma miniatura de Nessiah com cinco centímetros surgira, flutuando com pequenas asas de luz que tinham a forma de asas de libélula.

- Desculpe a demora, tive que construir um novo clone e... O que houve aqui? – Ele olhava para a destruição no aposento, vendo tudo ao redor. – Onde está Luna?

 Nessia olhava para Painwheel no momento em que a porta do lugar abria-se novamente. Um homem usando máscara de ferro que cobria seu nariz e boca adentrava ao aposento. Ele olharia ao redor, vendo Robô-Fortune na parede, Zhuan caída no chão até seus olhos encontrarem Nessiah e Painwheel. O homem careca suspirava, fechando os olhos e sua voz rouca falou:

- Pelo visto, a pirralha da Luna foi derrotada... Menos um. - Dito isso, o homem saiu, deixando a porta aberta. Ele foi sem pressa, devagar e sem correr pelo corredor. Seus passos lugo sumiam a distância.

- Rapido, temos que tirá-las daqui antes que mais alguem chegue.- Dizia Nessiah, olhando para Painwheel.
avatar
General 3YE W.D. Gaster
Árbitro
Árbitro

Aniversário : 20 de dezembro
Lugar de Origem : Vênus
Mensagens : 47
Data de inscrição : 29/11/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: *Memory Circus Tournament* Mid-Boss Battle : Painwhell vs Luna

Mensagem  ᘛℭаяoℓ, ᵗʰᵉ ƤƛƖƝƜӇЄЄԼ 【✤】 em Seg Set 10, 2018 12:53 pm



ENCERRAMENTO!

ㅤㅤㅤEu consegui! Luna foi derrotada e o quarto de bonecas estava destruído! Com isso é mais um passo para a vitória contra esses seres estranhos e este castelo mágico. Eu observei o corpo sem vida da garota escorregando por entre minhas mãos e ela caindo igual uma boneca de pano. Eu vi o desespero dela, o medo... Vi quando os olhos dela perderam o brilho da vida e seu corpo deixou-se de mover. Ela já era fria... não existia nenhuma centelha de vida borbulhando dentro do corpo dela, com exceção do coração que arranquei. Ele não era o Skullheart, mas emanava uma aura parecida, uma energia semelhante. Ela era uma falsa Skullgirl pelo visto... mas de toda forma, é uma preocupação a menos para mim e para qualquer um que conhece a lenda da criatura da devastação.

ㅤㅤㅤ── Eu lamento ter que acabar assim... mas é a única maneira de você entender que o que fez é errado... espero que agora, você encontre o descanso merecido, Luna. Você e seus pais.

ㅤㅤㅤEu deixei o corpo dela ali mesmo. Pensei em carrega-lo comigo para dar um enterro digno para ela, mas conhecendo esse castelo, eu tenho certeza que ele vai criar vários labirintos e caminhos aleatórios para me impedir de ir para o lado de fora. Com certeza, as câmeras que foram instaladas nos arredores captaram toda a batalha. Enfim, eu voltei para onde estavam Zhuan e Robô-Fortune.

ㅤㅤㅤ── Aguentem firme! Vou ajudar vocês! ── Primeiro, eu tirei a estaca de osso do peito de Robô-Fortune.

ㅤㅤㅤQuando tirei ela da parede, os olhos dela voltaram a brilhar, enquanto seu ferimento faiscava.

ㅤㅤㅤ── BEEEEEEEEEP! MEEEEEOW! REINICIANDO. ROBÔFORTUNE.EXE PAROU. DE. FUNCIONAR. MEEEEEOW! REBOOOTANDOOO!

ㅤㅤㅤ── Tsc... isso vai levar um tempo...

ㅤㅤㅤEnquanto a gata ficava sentada e escorada na parede, ajudei Zhuan a se levantar e pressionei o ferimento dela.

ㅤㅤㅤ── Quanto tempo você leva para se recuperar? ── Perguntei, olhando-a nos olhos.

ㅤㅤㅤ── Não sei... Isso não deveria exigir muito de mim... Aaahh... ── Ela se contorcia de dor.

ㅤㅤㅤOlhei para a gravidade do ferimento dela. Minhas mãos estavam sujas com o sangue coagulado dela. Não dei à mínima para isso. Tratei de levantá-la e passar um dos braços dela por volta do meu pescoço.

ㅤㅤㅤ── Vou te levar para o meu quarto! Você vai ficar comigo lá até se recuperar!

ㅤㅤㅤA morta-viva sorriu.

ㅤㅤㅤ── Você é impressionante... conseguiu conter a Luna...

ㅤㅤㅤ── Não fiz tudo sozinha. Seria mais difícil sem o auxílio de vocês duas. ── Eu sorri de volta.

ㅤㅤㅤDemos mais alguns passos à frente enquanto Buer se esticava, transformando suas lâminas em garras e pegando o corpo da robô, ainda em processo de reinicialização. Fomos nos aproximando do local onde estava minha mascara, removida durante o combate por um golpe de Luna. Agachei-me para pegá-la e a coloquei de volta ao meu rosto. Assim que ela encaixou-se, Gae Bolga usou de seus poderes para amarrar a máscara de volta à minha face e os dois buracos para olhos que havia nela passaram a brilhar intensamente em vermelho, deixando-me com uma aparência ainda menos amigável. Ainda estou sobre o efeito do Hatred Install, mas logo logo passaria e eu ficaria menos... agressiva, eu diria?

ㅤㅤㅤ── Painwheel... o corpo da Luna...

ㅤㅤㅤZhuan me chamou atenção para algo. O corpo de Luna estava se desmanchando em pequenos flocos de luz, sem deixar nenhum traço de sua existência.

ㅤㅤㅤ── O que aconteceu com ela? ── Perguntei.

ㅤㅤㅤ── Acho... que ela voltou pro livro...

ㅤㅤㅤVoltei minha atenção para Zhuan, notando uma aparente tristeza na morta-viva.

ㅤㅤㅤ── Se eu tivesse te matado, você voltaria para lá também?

ㅤㅤㅤ── Sim.

ㅤㅤㅤ── Como é dentro do livro? Pode me dizer? ── Acho que estava na hora de fazer as perguntas certas... e para as pessoas certas.

ㅤㅤㅤZhuan respirou fundo. E me respondeu.

ㅤㅤㅤ── É como se fosse uma imensa biblioteca. Mas escura e húmida. Nós ficamos jogados lá, todos amontoados. Alguns são vivos, outros são mortos. Alguns já se conformaram com a prisão eterna que terão, outros lutam desesperadamente para poder ver a luz do sol mais uma vez... é por isso que eu não quero ir embora daqui... me perdoe por não ter obedecido suas ordens, mas eu não quero voltar para um mundo sem a luz do sol.

ㅤㅤㅤZhuan me falava como se ela conhecesse o mundo dos mortos. Bem, eu não sei nada sobre essas coisas. A única morta-viva que eu conheci era a Sienna Contiello e nunca fiz questão de perguntar para ela como era o outro mundo. Mas entendo o sentimento dela. Notei que somos parecidas em algo. Ela gosta da luz do sol e eu gosto de caminhar nas areias das praias ao por do sol. A paisagem linda do sol pintando os céus e nuvens de vermelho antes de deixá-los à mercê do véu da escuridão e do brilho do luar..., lembro-me de que cheguei a pintar um desses momentos em uma tela durante as aulas de artes. Saber que Zhuan preferia viver entre os vivos mais uma vez só me faz ponderar sobre minha decisão de destruir o livro. Seria o correto condenar eles todos ao esquecimento? Sei que alguns são monstros cruéis e vingativos, outros são loucos varridos... mas o que me dá o direito de tirar o desejo de todos eles viverem? Pelo visto, essa dúvida irá me atormentar até a hora que eu alcançar o livro.

ㅤㅤㅤ── Vamos embora daqui!

ㅤㅤㅤNotei que a porta estava aberta. Ali era a nossa garantia de voltar para os aposentos. Mas então, fragmentos de energia alaranjados começaram a formar uma esfera e ela ficou levitando ao centro do salão, entre os destroços do cadáver do verdadeiro controlador de bonecas dali. Antes que eu pudesse perguntar o que era ou pensar em tentar pegar aquilo, alguma coisa moveu-se como se estivesse escondido nas sombras. Eu não pude ver direito o que era, pois foi muito rápido. Ele sumiu dentro dos dutos de ventilação, pelo mesmo local que a cabeça de Robô-Fortune havia saído mais cedo.

ㅤㅤㅤ── O que foi aquilo?

ㅤㅤㅤNem tive tempo de resposta. Um pequeno estouro se fez ao meu lado. A miniatura de Nessiah havia retornado, mais perdido que cego em tiroteio.

ㅤㅤㅤ── Calma! Eu já a derrotei! ── Respondi a pergunta dele, quase esbofeteando ele igual um pernilongo irritante.

ㅤㅤㅤNão tive tempo de contar tudo para ele, pois mais alguém estava ali. Era um homem estranho, alto, careca e usava uma máscara de ferro, cobrindo-lhe o rosto.

ㅤㅤㅤ── Quem é esse?

ㅤㅤㅤ── Não sei. ── Disse o pequeno mago.

ㅤㅤㅤ── Você... deveria saber de tudo, Nessiah... ── Resmungou a zumbi.

ㅤㅤㅤO homem olhou tudo em volta, principalmente para mim.

ㅤㅤㅤ── Pelo visto, a pirralha da Luna foi derrotada... Menos um. ── E assim, ele deu as costas e foi embora. Só ouvimos seus passos ao longe, ficando cada vez mais baixos. Eu resolvi esperar por ele se distanciar. Acabei de sair de uma luta e não estou interessada em entrar em outra, não enquanto tiver duas pessoas machucadas e uma miniatura de algo que não pode nem me ajudar.

ㅤㅤㅤ── Rápido, temos que tirá-las daqui antes que mais alguém apareça! ── Comentou o mini-mago.

ㅤㅤㅤ── Eu sei. Vamos logo! ── E então, saímos ali na correria!

ㅤㅤㅤQuando chegamos ao meu quarto, Buer soltou a gata sentada em cima de uma poltrona que havia posicionada próxima a um dos guarda-roupas. Eu deixei Zhuan deitada e Nessiah ficou sobrevoando-a, na região de sua ferida.

ㅤㅤㅤ── Será mais fácil restaurar ela fora do castelo. Nessa miniatura, eu não poderei trabalhar na cura de uma Jiang Shi.

ㅤㅤㅤEu estava ajeitando o travesseiro abaixo da cabeça dela, para deixa-la mais confortável.

ㅤㅤㅤ── Infelizmente, não terei como carregar ela para fora do castelo. Principalmente agora que sei que o tempo aqui dentro é diferente do tempo lá fora!

ㅤㅤㅤO mini-mago me olhou.

ㅤㅤㅤ── Então você percebeu?

ㅤㅤㅤ── Eu tive ajuda de fora. ── Respondi.

ㅤㅤㅤZhuan tentou falar alguma coisa e eu a repreendi. Pedi para que ela dormisse, se isso fosse capaz. Eu pensaria em algo para poder ajudar ela a se recuperar mais rápido. Enquanto isso, fui checar Robô-Fortune que já respondia a alguns comandos de voz e parecia estar inicializando um processo de restauração em si mesma. Bom, desde que ela volte a ser operacional e agir do jeito que ela costuma agir, será menos mal. Vou precisar da ajuda dela para outras coisas. Se todos os inimigos forem do mesmo tipo da Luna, principalmente esse tal de Valeth, receio que sozinha não terei chances de vitória. Agora era o momento de reunir o maior número de aliados... mesmo não gostando dessa gata-robô por ela ser também uma criação do Lab-Zero, acho que estou num daqueles momentos onde o inimigo do meu inimigo é o meu amigo. E eu não gosto nenhum pouco disso...


ㅤㅤㅤFora do castelo, fora de Second... em Nova Meridian, mais precisamente, no Laboratório Zero...

ㅤㅤㅤFukua olhava para uma fotografia. Era uma mulher que estava naquela moldura. Uma mulher ruiva e usava trajes de enfermeira. A foto estava muito bem guardada em uma das gavetas da mesa de Brain Drain. E ao lado dessa foto havia uma caixinha pequena, com uma aliança de casamento dentro. Fukua olhava curiosa para aquilo e tentava entender o que significava. Diferente de muitas pessoas, ela era um clone. A única coisa que ela sabe é o que lhe foi passado dentro dos dutos de criação. Ela sabe sobre a Skullgirl, sobre Painwheel, sobre cada um dos projetos dos Anti-Skullgirls Labs, não só do Zero e Oito, mas de todos os outros que foram desativados também, após a queda dos reis de Canopy. Fukua passava o polegar no rosto dessa mulher ruiva da foto, olhando-a com um pouco mais de curiosidade... até uma voz metálica e rouca soar atrás dela.

ㅤㅤㅤ── O que está fazendo aqui?

ㅤㅤㅤA garota assustou-se e virou imediatamente para a direção de onde a voz veio. E ali estava o cientista, Brain Drain.

ㅤㅤㅤ── Eu achei a foto na gaveta...

ㅤㅤㅤ── Mandei ficar longe das minhas coisas!

ㅤㅤㅤFukua guardou a foto e a caixa da aliança.

ㅤㅤㅤ── Quem era ela?

ㅤㅤㅤ── Uma lembrança. ── Respondeu o outro.

ㅤㅤㅤ── Ela morreu? ── Insistiu a menina.

ㅤㅤㅤ── Prefiro não falar disso. Saia daqui!

ㅤㅤㅤO clone de Filia foi saindo de perto da mesa e do seu criador, ao qual ela passou a chamar de pai por mera conveniência. Se aquela mulher fosse alguém importante para ele, então ela deveria ser a mãe? Com certeza o clone ficaria matutando essa ideia na sua cabeça, até que sua parasita, o clone de Samson chamado Shamone, resolvesse controlar sua hospedeira. Do lado de fora do laboratório, Fukua ficava olhando para os monitores. Ela assistia ao combate de uma menina ruiva contra a Valentine.

ㅤㅤㅤ── Shamone! ── Ela chamou pelo parasita.

ㅤㅤㅤ── O que é? ── O outro abriu seus olhos dourados e seus dentes imensos emergiram de sua boca.

ㅤㅤㅤ── Vamos caçar a Painwheel? ── Ela falou em um tom bem animado.

ㅤㅤㅤ── Como chegaremos até ela?

ㅤㅤㅤ── Da mesma forma que atormentamos a vida da Filia! Pelos sonhos dela!

ㅤㅤㅤO Theon começou a balançar seus tentáculos de um lado para o outro, enquanto um sorriso diabólico surgia na face da menina que se parecia com a melhor amiga de Carol, com a diferença dela ter um tom de pele negra e usar maquiagem rosa bem chamativa, exibindo um ar mais confiante e ousado também.

ㅤㅤㅤ── Eu quero começar a arruinar a vida da Filia... e acho melhor irmos bater de frente com a coisa mais preciosa que ela tem no momento: A melhor amiga!

ㅤㅤㅤEla dava uma risadinha macabra. O Theon riu também.

ㅤㅤㅤ── Heheheh... você não tem jeito mesmo, Fukua. Vamos dormir. Assim, será mais fácil caminhar nos sonhos dos outros!

ㅤㅤㅤ── Sim! Sim! Eu quero ver se essa Painwheel bate tão forte quanto dizem bater! Estou excitada!

ㅤㅤㅤO Theon desfez o sorriso.

ㅤㅤㅤ── Essa sua mania de sentir prazer em apanhar dos outros poderá nos colocar em um grande perigo, garota!

ㅤㅤㅤ── Que nada! A dor me deixa mais forte! E vai ser assim que eu vou matar a Filia e tomar tudo o que é dela para mim! HAHAHAH!

ㅤㅤㅤOs dois foram até os quartos. Ali, eles desapareceram.

ㅤㅤㅤO que será que o destino nos reserva? Eu não sei...

avatar
ᘛℭаяoℓ, ᵗʰᵉ ƤƛƖƝƜӇЄЄԼ 【✤】
Visitante
Visitante

Aniversário : 23/10/2002
Lugar de Origem : Maplecrest - Nova Meridian
Mensagens : 36
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: *Memory Circus Tournament* Mid-Boss Battle : Painwhell vs Luna

Mensagem  General 3YE W.D. Gaster em Seg Set 10, 2018 2:15 pm




Luta-evento finalizada com a vitória de Painwheel.
avatar
General 3YE W.D. Gaster
Árbitro
Árbitro

Aniversário : 20 de dezembro
Lugar de Origem : Vênus
Mensagens : 47
Data de inscrição : 29/11/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: *Memory Circus Tournament* Mid-Boss Battle : Painwhell vs Luna

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum